Leigos iniciam sua participação na Assembleia Geral do Regnum Christi

0
143

O segundo dia de atividades da Assembleia Geral do RC, em Roma, começou com a participação dos 28 leigos do Regnum Christi, que tiveram um encontro informativo para conhecer as conclusões do Capítulo Geral extraordinário dos Legionários de Cristo, das Assembleias das Consagradas e dos Leigos Consagrados. Os leigos participam até o dia primeiro de dezembro. Em seguida, os ramos consagrados voltam a se reunir para concluírem a Assembleia, que terminará no próximo dia 6.

Ao concluir esta sessão, tiveram a missa presidida pelo Pe. Eduardo Robles-Gil, L.C., na Basílica de Nossa Senhora de Guadalupe e São Felipe Mártir, onde o diretor geral do RC deu as boas vindas aos leigos do Regnum Christi que se unem na Assembleia Geral. Na homilia, Pe. Eduardo falou sobre a relação do leigo com Deus “Jesus Cristo é quem guia nossa vida e nossa história, podemos seguir com serenidade nossa vida porque Ele a guia. Ele fez coisas grandes em cada um de nós e quanto devemos dar graças à Deus. Nos impulsiona, nos acende o coração, abençoa com frutos visíveis e, sobretudo, invisíveis”. Também enfatizou a missão do leigo: “Somos instrumentos e apóstolos, estamos destinados a fazer presença de Deus entre os homens e instrumento eficaz de encontro das pessoas com Deus, esperando que através de nossas ações apostólicas, consigamos leva Deus aos demais”.

Depois da missa, todos os delegados continuaram com os trabalhos da Assembleia Geral com a presença do Padre Gianfranco Ghirlanda, S.I. Em 2010, Pe. Ghirlanda foi nomeado conselheiro pessoal do delegado pontifício para a Legião de Cristo, o Cardeal Velasio de Paolis. No dia 19 de março de 2014, Pe. Eduardo Robles- Gil, L.C., o nomeou consultor da Comissão para a revisão do Estatuto do Movimento Regnum Christi.

Durante o terceiro dia, ainda trabalhando no regulamento dos fiéis associados, o Pe. Eduardo e o Pe. Ghirlanda iluminaram a reflexão sobre temas referentes a vida espiritual e apostólica dos membros leigos do Regnum Christi, respondendo a dúvidas sobre a adesão dos membros à Federação.

Todos os dias, após o almoço, os delegados têm um momento de adoração ao Santíssimo. As reuniões acontecem pela manhã e pela tarde, para revisar e votar os capítulos do rascunho dos Estatutos da Federação Regnum Christi e do Regulamento de fieis associados.

Sobre a Assembleia Geral Extraordinária 

A segunda seção da Assembleia Geral, tem como finalidade o cumprimento das tarefas iniciadas durante a primeira seção em particular.

  1. Aprovar o texto do Estatuto da Federação Regnum Christi, que será apresentado a ratificação pelos órgãos supremos dos ramos e, se for o caso, a aprovação da Santa Sé.
  2. Aprovar o Regulamento dos fiéis associados a Federação Regnum Christi
  3. Oferecer orientações para que o formato da Federação seja colocado em prática

O Estatuto, um ponto de encontro

O Estatuto Geral expressará o ponto de encontro de discernimento feito durante o processo de renovação entre todas as vocações do Regnum Christi em relação com o carisma e missão, a espiritualidade, o Governo, a forma canônica, as distintas expressões vocações do carisma, a participação dos leigos e a organização da atividade apostólica.

Os elementos de convergência do discernimento de todos (ramos consagrados, legionários e leigos) são atualmente a existência de um carisma e missão comum, o reconhecimento da identidade de cada vocação, o aporte de cada uma das vocações ao Regnum Christi, a autonomia de cada um dos ramos consagrados, a federação como a melhor forma canônica para expressar, custodiar e promover o carisma comum.

Leigos com voz e voto consultivo

Todos os ramos consagrados expressam o desejo de uma participação dos leigos, ainda que nao se encontre neste momento, uma expressão canônica adequada a essa realidade. O Governo da futura federação, segundo o atual rascunho do Estatuto, propõe um governo colegial dos três ramos consagrados em que haja a participação dos leigos com voz e voto consultivo.

Perfil da Assembleia Geral

A Assambleia geral é composta por 91 delegados que residem em 14 países: Alemanha, Argentina, Áustria, Brasil, Canadá, Chile, Itália, México, El Salvador, Espanha, Estados Unidos, Filipinas, França e Venezuela, sendo eles:

37 legionários

30 leigos

18 consagradas

6 leigos consagrados

Do Brasil, participam, além dos diretores territoriais, Pe. Cleomar Ferronato, LC. e Elena Bartolomé, os leigos Amandda Souza, Pedro Kropf e Luiz Flávio Azevedo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here